Os 5 profissionais freelancer mais procurados

Sabe aquele tipo de trabalho que você pode aceitar esporadicamente, sem ter vínculo empregatício? Este é o profissional freelancer

Os 5 profissionais freelancer mais procurados

Que o mercado de profissionais freelancer cresce a cada dia não é mistério para ninguém. Isso porque graças ao crescimento de plataformas de trabalho remoto, muitos profissionais conseguiram se destacar e se estabilizar no mercado como freelancer.

Claro que não são todas as profissões que tem a mesma saída laboral quando o assunto é trabalhar a distância e online. No entanto, existe um TOP dos 5 profissionais freelancers mais procurados.

Caso você tenha alguma dessas habilidades e queira investir na carreira de freelancer vale muito a pena conferir! Acompanhe o artigo de hoje!

O que é ser freelancer?

Para entender melhor o tema, vamos esclarecer primeiro quem é esse profissional freelancer.

Sabe aquele tipo de trabalho que você pode aceitar esporadicamente de uma determinadas pessoa ou empresa e que você pode realizar depois da jornada de trabalho, por exemplo? Esse tipo de trabalho se caracteriza como freelancer, ou seja, um trabalho extra que te permite incrementar o salário sem nenhum compromisso laboral com a pessoa ou empresa que te contrata.

No entanto, ser freelancer não é apenas trabalhar “de vez em quando”. Trata-se também de um profissional qualificado que encontrou na modalidade remota, ou seja, a distância, um estilo de vida e modo de trabalhar.

Muitas pessoas não se adaptam a rotina diária de trabalho de 8 horas em lugares pré determinados e acabam encontrando na modalidade de freelancer um estilo de trabalho que permite viajar, trabalhar em vários lugares e administrar os prazos.

De um modo mais resumido, ser freelancer é ser um profissional independente que presta serviços a clientes particulares ou empresas sem nenhum tipo de vínculo laboral com os mesmos. Claro que quando falamos em vínculo laboral, estamos nos referindo a termos de leis como empregador e empregado, o compromisso com a entrega bem feita do trabalho deve existir como ética do profissional freelancer.

É fácil conseguir trabalho como freelancer?

Existem muitas empresas que já se atentaram a necessidade de aumentar sua equipe de trabalho com profissionais remotos. Isso porque, para a empresa é muito mais vantajoso em termos econômicos contar com um profissional freelancer.

Algumas empresas inclusive, fecharam seus escritórios para contratar apenas profissionais freelancers para tocar seus projetos, economizando assim gastos de aluguel, luz, água, internet, impostos entre outros.

Atualmente existem muitos sites que reúnem profissionais que querem trabalhar e clientes que querem contratar. Desse modo fica muito mais fácil conseguir se aproximar das pessoas que realmente desejam contratar freelancer e descolar um projeto.

As plataformas de freelancer que ganharam destaque no Brasil são:

Entre muitas outras que podem ser pesquisadas no Google. Vale ressaltar que para conseguir trabalho como freelancer é necessário sempre ter todo o perfil bastante completo, assim como sempre tentar apresentar uma proposta completa com prazos de entrega, habilidades no projeto, portfolio e outras informações relevantes.

O erro de muitos profissionais freelancers é de não saber se apresentar corretamente e acabam perdendo muitas chances de contratação, por isso, fique esperto!

TOP 5 dos profissionais freelancers mais procurados

Vantagens e desvantagens do trabalho freelancer

Confira agora a lista dos profissionais freelancer mais procurados no mercado, você pode conseguir uma estabilidade financeira em qualquer dessas áreas, veja quais são eles:

Posto número 5 – Produtores e editores de vídeo

A tendência do mercado online é a produção de vídeos, por isso, muitas empresas atuais estão contratando profissionais freelancer para que possam trabalhar na produção de diversos vídeos, seja institucionais como apenas para marcar presença nas redes sociais como Youtube, por exemplo.

Muitos profissionais da área audiovisual estão conseguindo manter a estabilidade financeira atendendo apenas pedido de produção e edição de vídeos de diversos sites, blogs e empresas.

Para trabalhos mais simples, o freelancer pode cobrar entre R$150 e R$600 reais. Claro que o valor pode aumentar segundo o grau de complexidade do vídeo e o tempo que você pode levar para concluir o mesmo.

Posto número 4 – Designer

Se você tem habilidades de design com ferramentas como Photoshop, Corel ou outros, é bastante interessante a carreira de designer gráfico ou web.

Freelancers que trabalham com a confecção gráfica de banners, folhetos, logo e etc, são bastante requisitados em várias partes do país.

Muitas empresas da área de marketing e publicidade oferecem postos para trabalhadores remotos na área de design gráfico. Nos sites citados acima é possível encontrar diariamente muitas ofertas de contratação de designers.

Por isso, se você tem interesse de se desatacar nesse ramo, não se esqueça de elaborar um ótimo portfolio com seus melhores trabalhos e se apresente em diversos projetos.

O valor mensal que pode ganhar um designer vai depender muito da quantidade de trabalho e a experiência do mesmo. Para ter uma ideia, trabalhar em um banner pode levar apenas algumas horas e o freelancer pode cobrar de R$50 a R$150 reais dependendo da complexidade da arte.

Posto número 3 – Redação Web

A redação web vem conquistando cada vez mais espaço entre as profissões freelancer mais procuradas na internet. Isso porque, muitas empresas entenderam a importância do conteúdo web para gerar mais visitas e converter clientes.

Muitos clientes buscam freelancer para alimentar seus blogs, por não terem tempo de fazer isso. Outros contratam para a conversão de clientes, através do marketing de conteúdo, assim como redação publicitária.

Mas lembre-se que para se destacar nessa área é necessário ter uma boa escrita, assim como conhecimentos básicos de SEO e de marketing de conteúdo.

Mas quanto cobra um redator web?

Os valores variam e muitos redatores caem na pressão de cobrar muito barato por um trabalho que exige tanta pesquisa e dedicação.

Geralmente o valor cobrado por um texto básico de 300 palavras é de aproximadamente 15 reais. Tendo em conta que é possível chegar a produzir uma média de 2.000 palavras por dia é possível faturar até R$100 reais.

Posto número 2 – Social media

Assim como redação web, as empresas se viram obrigadas a estar presentes nas redes sociais para competir melhor e ter mais visibilidade da marca. No entanto, vale ressaltar que não basta entrar nas redes sociais e postar aleatoriamente, é importante fazer um trabalho bastante fino se a empresa quer ter resultados positivos através da mesma.

Pensando nisso, muitos clientes e empresas buscam profissionais remotos com experiência na análise de redes sociais para se responsabilizar dessa atividade.

O profissional que trabalha como social media é aquele profissional bastante completo, já que a profissão envolve redação e desenho gráfico. Isso mesmo, o social media além da análise geral dos resultados deve trabalhar na confecção dos posts assim como nas mensagens que engaje o público alvo.

Vale lembrar que o trabalho é mais continuo, e por isso, não vale a pena aceitar vários projetos ao mesmo tempo, já que é muito provável que você mantenha a relação com o contratante por um período mais longo.

Um social media deve analisar o tempo disponível para cada projeto e tentar se dedicar pelo menos 2 horas diárias em cada um. O mesmo pode cobrar por cada projeto mensalmente em torno de R$800 a R$1500 reais, dependendo do volume de postagens que cada cliente quer.

Posto número 1 – Desenvolvedores web e mobile

Segundo pesquisas feitas no mercado de trabalho nacional, os freelancers que trabalham como desenvolvedores web e mobile são um dos mais procurados.

A área de TI teve um aumento importante nos últimos anos e as oportunidades de trabalho aumentaram e muito. Um dos sites que oferecem trabalhos freelancer chamado Prolancer, afirma através de uma análise de dados que mais de 45% dos projetos contratados na plataforma é para a contratação de profissionais dessa área.

Um desenvolver web e mobile pode ganhar em média de R$ 800 a R$3.000 reais apenas em um único projeto.

* Todos os valores são baseados em projetos buscados nas plataformas acima citadas, a experiência do profissional e a complexidade de cada projeto podem fazer esses valores variarem bastante.
 

Vantagens e desvantagens de trabalhar como freelancer

Vantagens e desvantagens de trabalhar como freelancer
Agora que você sabe quais são os profissionais freelancers mais procurados no mercado digital, chegou o momento de conhecer um pouco mais sobre o universo dessa modalidade de trabalho remoto.

Nem tudo são flores ou espinhos quando o assunto é trabalhar como freelancer. Como todo tipo de trabalho, essa modalidade de trabalho a distância apresenta uma série de vantagens atrativas, assim como desvantagens que quando não bem planejadas e organizadas pode colocar tudo a perder.

VANTAGENS

Existe uma série de vantagens que engloba a liberdade de trabalhar em qualquer parte do mundo. Acho que a maior vantagem está justamente em poder viajar, conhecer pessoas e não perder a estabilidade financeira.

Trabalhar de um café, um clube, uma praça, em frente do mar ou simplesmente de pijamas em casa é sensacional.

Organizamos algumas vantagens de ser freelancer, confira:

  • Não ter que se deslocar até o trabalho todos os dias enfrentando trânsito, transporte público entre outros;
  • Não ter gastos com transporte;
  • Poder organizar os prazos e horários de trabalho;
  • Poder cortar as atividades laborais para fazer exercícios ou até mesmo uma caminhada;
  • Possibilidade de aumentar a renda mensal segundo a quantidade de projetos que pode realizar.

DESVANTAGENS

Assim como há muitas vantagens no trabalho remoto, também há aqueles empecilhos que podem se tornar desvantagens, veja mais a seguir.

Organizamos algumas desvantagens de ser freelancer, confira:

  • Não estar legalmente contratado o que pode interferir nos direitos sociais como aposentaria, por exemplo. O ideal é que o profissional freelancer crie a consciência de trabalhar como profissional autônomo e contribuir para a previdência no período em que exerça esse tipo de trabalho.
  • Organização com os prazos: justamente por ter um trabalho flexível, se o profissional não for bastante organizado pode acabar por não cumprir prazos. O que pode se tornar um caos no futuro. Por isso, mantenha sempre sua agendada organizada para não acumular trabalho.
  • Barulho: se o profissional trabalha em casa, é possível que a rotina da casa assim como seus “ruídos” interfiram na atenção e concentração do profissional. As vezes pode se tornar complicado quando não há compreensão de todos os membros da casa, por isso converse com todos e se possível separe seu lugar de trabalho. Dê preferência por lugares mais isolados, como seu quarto, por exemplo.

Agora que você já conhece quais são os profissionais freelancers mais procurados no mundo web e conheceu também as vantagens e desvantagens de ser um profissional remoto, se organize e planeje a possibilidade de desenvolver qualquer uma dessas atividades.

Vale a pena organizar um cronograma de ganhos e tempo de dedicação para que você possa manter um fluxo de caixa e trabalho estável.

O sucesso de sua carreira de freelancer vai depender unicamente de você, por isso, se atente de oferecer o melhor trabalho e cresça nessa área que tanto tem para oferecer.


Parcerias: Curso React Direto ao Ponto