A rotina matinal define o resto do seu dia

A forma como você leva a sua rotina matinal interfere na sua criatividade, no seu humor, na sua produtividade e na sua concentração

A rotina matinal é que define o resto do dia

Pesquisas afirmam que o cérebro, especificamente o córtex pré-frontal é mais ativo e criativo após o sono. Isso ocorre porque o seu subconsciente durante o período de sono faz conexões contextuais e temporais.

E assim, há maior produtividade e concentração nesse período.

De acordo com uma matéria publicada no site Inc, você pode consultar em www.inc.com, o psicólogo Ron Friedman, especialista em mudança de comportamento e em motivação humana, afirma que as primeiras três horas do seu dia são as mais preciosas, pois você terá uma produtividade maximizada.

Friedman ainda afirma à Harvard Business:

“Normalmente, temos um período de cerca de três horas em que estamos realmente focados. Somos capazes de ter algumas fortes contribuições em termos de planejamento, em termos de pensamento, em termos de falar bem”.

De fato, a afirmação do psicólogo faz sentido porque após o sono, a sua mente fica mais ativa para fazer um trabalho que exija mais cuidado e atenção, ou seja, os níveis de energia são mais fortes imediatamente após o sono.

Dessa forma, o seu cérebro no período da manhã está mais sintonizado assim como os seus níveis de energia. Consequentemente, o melhor momento para fazer o seu melhor trabalho é durante as primeiras três horas do seu dia.

Por falar em energia, o professor de Nutrição da Universidade de Illinois, Donald Layman, recomenda consumir pelo menos 30 gramas de proteína no café da manhã.

Da mesma forma, Tim Ferriss, em seu livro The 4-Hour Body, também recomenda 30 gramas de proteína 30 minutos após o despertar. Esse hábito ajudará você a permanecer concentrado por mais tempo além de evitar picos de fome.

Outra dica, é que nesse período de maior concentração e produtividade, você evite acessar redes sociais ou e-mails, pois esse hábito pode dispersar a sua mente nesse intervalo de tempo.

Horas de trabalho não definem produtividade

Oito horas de trabalho não definem Produtividade

Um trabalho intelectual como por exemplo, o de desenvolvedores web pode ser muito mais produtivo com uma carga horária menor.

Além disso, os países mais produtivos do mundo não trabalham 8 horas por dia.

Como mencionado anteriormente, as primeiras três horas do seu dia após o sono podem ser incrivelmente proveitosas e satisfatórias em relação a produtividade, ou seja, a nossa concentração não tem a durabilidade do tempo estipulado para sermos produtivos.

Isso em relação a trabalhos que envolvam criatividade e concentração, pois há a fadiga mental.

No estudo apresentado no site Inc, os pesquisadores afirmam que o melhor trabalho acontece em surtos intensos e curtos.

Resumindo, de 1 a 3 horas. Porém, isso deve ocorrer sem distrações e pode ser comparado com um treino intensivo.

Curiosamente, o seu melhor trabalho vai realmente acontecer enquanto você estiver longe do seu trabalho, ou seja, “se recuperando”.

Dessa forma, a dica é que você gaste 20% da sua energia no seu trabalho e 80% da sua energia em recuperação e auto-aperfeiçoamento.

Quando você aprimora constantemente o seu modelo mental, a qualidade e o impacto de seu trabalho aumentam continuamente.

Isso é o que os psicólogos chamam de “prática deliberada”.
Não se trata de fazer mais, mas de melhorar o treinamento.
É sobre ser estratégico e focado em resultados, não focado em ocupações.

Em um estudo, apenas 16% dos entrevistados relataram ter insights criativos durante o trabalho.

As ideias geralmente vinham quando a pessoa estava em casa, no transporte ou durante a atividade recreativa.

“As ideias mais criativas não virão enquanto estiver sentado em frente ao monitor”, diz Scott Birnbaum, presidente da aviação da Samsung.

A razão para isso é simples. Quando você está trabalhando diretamente em uma tarefa, sua mente está concentrada no problema em questão (ou seja, reflexão direta).

Você é um sistema

Quando você altera uma parte de qualquer sistema, você simultaneamente muda o todo.
Assim, melhore uma área da sua vida e todas as outras áreas melhorarão em um ciclo virtuoso.

Este é o efeito borboleta em ação e a base do livro, Start with Habit, que mostra que ao integrar um “hábito fundamental”, como o exercício ou a leitura, a positividade desse hábito repercute em todas as outras áreas de sua vida, eventualmente transformando sua vida inteira.

Essas alterações incluem os seus hábitos alimentares –  o que e quando você come podem determinar a sua capacidade de concentrar-se no trabalho.
A qualidade do seu sono também influencia na sua produtividade.

Por isso, concentre-se em gerenciar a sua energia ao invés de administrar o seu tempo.

Conclusão: a rotina matinal funciona

Sim, funciona! No entanto, o principal é que quando você acorda com aquele despertador gritando em seus ouvidos você não se canse mentalmente enquanto se prepara para encarar o dia.

O ideal é deixar a roupa do trabalho separada, bolsa ou mochila organizada e assim, não perder tempo em pensar qual roupa usar ou em procurar o material necessário para a empresa ou faculdade.
Isso também pode evitar o estresse logo pela manhã.

Além disso, um artigo super interessante publicado no site da Época Negócios expõe a rotina matinal de líderes políticos e executivos que tiveram sucesso em suas carreiras.
Acesse o link: https://epocanegocios.globo.com/.

O artigo cita, por exemplo o ex-presidente dos Estados Unidos Barack Obama que começa o seu dia com atividades físicas e café da manhã com suas filhas e Jeff Bezos, fundador da Amazon que detesta reuniões matinais e prefere estar com sua família para um café da manhã saudável.
Vale a pena conferir o artigo completo e se possível, e espelhar-se neles.

Portanto, a forma como você leva a sua rotina matinal interfere na sua criatividade, no seu humor, na sua produtividade e na sua concentração.


Parcerias: Curso React Direto ao Ponto